1 de agosto de 2012

Dois anos de Missa Nova! Graças, Senhor

Há dois anos atrás na paróquia de S. Torcato, em Guimarães, apresentava-me aos meus conterrâneos e amigos presidindo, no belíssimo santuário, à chamada Missa Nova.

Tratou-se, basicamente, de um dia de festa popular, aberta a todos e absolutamente inclusiva (até para os que chegavam de excursão!).

Lágrimas, choro, palmas e alegria... houve de tudo. E tudo guardo no coração.

Recordo e agradeço o dia e a vida, Àquele que me chamou a ser sacerdote do Seu Filho.
Nesse dia, cantaram-se estes versos que escrevi:







Eu quero agradecer
O dom do Teu Amor
Ofertar o meu ser
Servindo o Evangelho
De Cristo meu Senhor.

Eu quero entregar
Meu sangue e meu suor
Para anunciar
O reinado de Deus
Que é o Salvador.
Quero ir pelo mundo fora
Sem nunca desistir
E quando for a hora
De regressar ao Pai
Estar pronto a partir.
Sei que me esperarás
Com amor paternal
E me libertarás
Desta vida mundana
Pra vida divinal.

Pe. JAC

2 comentários:

  1. Mais uma vez, e porque nunca hão-de chegar, os meus Muitos Parabéns.
    Ele continua a chamá-lo, a cada novo dia, com mais Amor.
    A sua entrega é indubitavelmente extraordinária e bela.
    Muitos Parabéns...!

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns, Padre!
    Que continue por muitos anos, sempre com o amor de Deus.

    Esta semana festejamos também os 12 anos do nosso pároco e os 25 de um sacerdote natural de cá, embora esteja paroquiando outras freguesias.

    Que o Senhor a todos abençoe e guarde no Seu amor.
    Dêmos graças ao Senhor!

    ResponderEliminar

Alma que espera...

A esperança é sempre uma boa aposta se for esperança em Deus. Ele é que é a fonte da esperança e Ele não desilude! Eu confio...