22 de novembro de 2012

Deixar Deus brilhar em cada coração. Poema no XXXIII domingo comum







Pode o sol desaparecer
e o céu escurecer...
Podem as estrelas cair,
e a lua não surgir...
Não há-de vencer a escuridão
em qualquer esperançado coração.

Da debilidade cresce a força,
do desânimo renasce esperança...
Do aparente nada a totalidade
da Fé toda a tranquilidade...
É na escuridão que brilha a Luz
trazida pelo Filho do Homem, Jesus!

É o fim do meu mundo egoísta que acontece
é o começo dos novos céus e nova terra...
É de amor e de esperança a mensagem
que nos faz entrar em devir e em viagem
para pôr fim ao negrume da escuridão
e deixar que Deus brilhe em cada coração.


Pe. JAC

Sem comentários:

Enviar um comentário

A Deus o que é de Deus!

De Deus é a terra é tudo o que ela contém, de Deus é o homem, aquele homem que é como um sopro que passa, mas que também é um pouco infe...