9 de março de 2013

Um coração que é nossa casa! Poema no IV domingo da Quaresma




Na lógica de Deus
Não há espaço só para a razão...
É uma lógica irracional
Que só Jesus torna especial...
É a lógica do amor e da compaixão,
Da ternura e da bondade de Deus.

Quantas vezes não somos como o filho novo?
Não quer ser mais o filho dependente
E pede a herança e mata o pai, imprudente,
Para partir em total liberdade e autonomia
À procura da sua alegria sem a encontrar.

Quantas vezes não sabemos nem cuidar
Do amor que de Deus nos é dado?

E quantas vezes somos como o filho mais velho?
Não saindo de casa e sempre cumpridor
Olha o Pai não como Pai
Mas como patrão, como dono e senhor...

E assim vemos
que tanto nos perdemos em casa
como fora dela...

A história por Jesus contada
Fique sempre no nosso coração guardada:
Depois de errar
É preciso ter coragem de voltar...
É preciso deixar o passado de lado
E no perdão e na misericórdia de Deus confiar.

Queiras tu, se necessário, a casa regressar
ou, senão saíste, queiras lá continuar...
Olha que o coração de Deus Pai
É sempre a nossa melhor casa!



Pe. JAC

Descobrir o essencial!

Diante do Senhor que vem, reconhecemos que os nossos caminhos não são os seus (cf. Is 55, 9) e somos impelidos a converter-nos, a mud...