30 de março de 2014

Cego não é só o que não vê. IV domingo da Quaresma




Ser cego não é fruto do pecado
Mas oportunidade para ser recriado,
Tocado pelo amor de Jesus,
E com Ele passar a ver com Sua Luz.

Depende do cego querer ver
Mas precisa de caminhar e de crer,
Dar graças e testemunhar
O Messias que a todos veio salvar.

Cego não é só o que não vê,
Mas também quem não crê!

Deixa Jesus entrar no coração
Aceita a cura, a vida, a salvação.
Sê, com Jesus, um eterno aprendiz,
Como peregrino para uma vida feliz.


Pe. JAC

Descobrir o essencial!

Diante do Senhor que vem, reconhecemos que os nossos caminhos não são os seus (cf. Is 55, 9) e somos impelidos a converter-nos, a mud...