19 de abril de 2014

É Páscoa!




É Páscoa!
Respira a aragem fresca
do sepulcro aberto e não vazio
e não te deixes matar de frio!

É Páscoa!
Contempla os sinais
pascais e vitais,
que te levam à passagem,
sem paragem,
à outra margem,
da vida nova.

É Páscoa!
Aquece o teu coração
no fogo da Palavra,
no sol radioso que se ergue,
ou na brasa acesa da praia.

É Páscoa!
Canta alto a alegria
da manhã do novo dia,
o Primeiro,
do qual sai vivo e inteiro,
Quem inteiro se dá e vive
por ti e por mim, até ao fim!





Pe. JAC

Descobrir o essencial!

Diante do Senhor que vem, reconhecemos que os nossos caminhos não são os seus (cf. Is 55, 9) e somos impelidos a converter-nos, a mud...