2 de outubro de 2015

Onde diabo está Deus?


Estou no princípio mas, em defesa da "sanidade espiritual, recomendo já a leitura deste livro: Richard Leonard, «Onde diabo está Deus?


Sinopse

«Onde diabo está Deus? lê-se de um só fôlego. É difícil imaginar que se possa dizer isso acerca de um livro de teologia que aborda a questão milenar da bondade de Deus e da existência do sofrimento e do mal. Mas é verdade. Tocado pelo terrível acidente que deixou quadriplégica a sua querida irmã, antes dos 30 anos, Richard Leonard aborda algumas das questões mais duras que esse sofrimento levanta. Cada capítulo força o leitor a reavaliar a imagem que tem de Deus. Leia este livro; ele poderá mudar a sua vida» (William A. Barry, SJ).

Um excerto da Introdução:

«Aqui estão os meus sete passos para a sanidade espiritual, quando somos tentados e cedemos à tentação de perguntar: «Onde diabo está Deus?»
1. Deus não envia, diretamente, dor, sofrimento e doença. Deus não nos castiga.
2. Deus não envia acidentes para nos ensinar coisas, embora nós possamos aprender com eles.
3. Deus não quer terramotos, inundações, secas ou outros desastres naturais. A oração pede a Deus que nos mude para mudarmos o mundo.
4. A vontade de Deus manifesta-se mais na totalidade de uma situação do que nos seus detalhes.
5. Deus não precisava do sangue de Jesus. Jesus não veio apenas «para morrer», mas Deus usou a sua morte para anunciar o fim da morte.
6. Deus criou o mundo que é menos que perfeito, e no qual o sofrimento, a doença e a dor são realidades; se assim não fosse, estaríamos no Céu. Alguns desses problemas somos nós que os provocamos a nós mesmos, e culpamos Deus.
7. Deus não quer acabar connosco.»


Sem comentários:

Enviar um comentário

Fidelidade (Great Is Thy Faithfulness)

A fidelidade do Senhor permanece para sempre!