1 de março de 2009

Primeiro domingo da Quaresma


Vivo num mundo caótico
Que me puxa e arrasta

Para onde não quero.
Velocidade, confusão e dispersão:

Eis o modus vivendi moderno.

Peço-Te, Senhor,

A força para resistir

A coragem para permanecer fiel

Como Tu permaneces-Te

Ante o demónio.


Diante do mal

Que se aparenta mais fácil,

Mais promissor e mais proveitoso

Faz-me caminhar contigo

Sem desvios de rota

Mesmo que o caminho leve a Jerusalém

E de lá seja levado ao Monte do Calvário

E morra conTigo.


Só assim ressuscitarei no domingo de Páscoa.

Sem comentários:

Enviar um comentário

A Deus o que é de Deus!

De Deus é a terra é tudo o que ela contém, de Deus é o homem, aquele homem que é como um sopro que passa, mas que também é um pouco infe...