19 de novembro de 2013

Retiro espiritual. Viagem com Jesus a caminho de Jerusalém (II)





Segundo quadro: parábola da misericórdia (Lc 15)

É largamente conhecido, comentado, meditado, reflectido o texto do capítulo 15 de S. Lucas, um dos mais belos textos da literatura universal.

Nem arrisco grandes escritos sobre tal...
Duas interpelações apenas, enquanto paro sobre ele:
1. Deus trata a todos com familiaridade e a ninguém exclui do Amor.
2. Amar é arriscar.

Um escrito:

Buscado por Jesus
Em qualquer rincão escuro.

Mói a dureza do meu coração
Aquela mão estendida que me afaga.
Aquela doçura esmaga a minha dureza,
Desfaz a minha acidez
E deixo-me, quase liquefeito, ficar com Ele.

Aí mesmo me encontro
Porque me deixo encontrar.
E encontrado é que estou bem!
E encontrado posso a todos encontrar
Em qualquer rincão perdido.



Pe. JAC

Refulgir a Luz. [João Baptista]

João Batista é “a voz que clama no deserto, que “aplaina o caminho do Senhor”. Ele foi enviado por Deus como precursor e como “testemun...